loading Aguarde...
Mais de 52 mil hectares de plantio espalhados pelas regiões Sul, Sudeste e Nordeste.
A viticultura na região semiárida, em particular no Submédio do Vale do São Francisco, destaca-se no cenário nacional, não apenas pela expansão da área cultivada e do volume de produção, mas principalmente pelos altos rendimentos alcançados e na qualidade da uva produzida. Seguindo as tendências de consumo do mercado mundial de suprimento de frutas frescas, esta região inclina-se, atualmente, para produção de uvas sem sementes, assim como para a adoção de normas de controle de segurança alimentar, em conformidade com os sistemas definidos pelas legislações nacionais e internacionais.
A cultura da videira reveste-se de especial importância econômica e social no Submédio do Vale do São Francisco, na medida em que envolve um grande volume anual de negócios voltados para os mercados interno e externo, e se destaca entre as culturas irrigadas da região, como a que apresenta o maior coeficiente de geração de empregos diretos e indiretos.

Deixe seu telefone que entraremos em contato!